Cólica Menstrual? Não use o Coletor sem ver isso antes…

Cólica Menstrual? Não use o Coletor sem ver isso antes…

Ultimamente, várias pessoas nos perguntaram se a cólica menstrual tem alguma relação com o Coletor Menstrual…

Por isso, resolvemos criar este conteúdo especialmente para você que tem essa dúvida!

Mas isso já adiantamos para você: essa relação só existe em apenas um caso em específico…

Um caso no qual, são poucas as pessoas que sabem sobre isso…

E sentimos que devemos te mostrar em primeira mão!

Antes de tudo, você precisa entender algo importante.

Se você pensou no Coletor Menstrual, você acertou.

Afinal, para que você entenda perfeitamente qual é a única relação entre as cólicas menstruais e o Coletor Menstrual, você precisa entender direitinho como ele funciona!

O que é o Coletor Menstrual e para que serve?

Coletor menstrual, copinho menstrual, absorvente de copinho...

Os coletores menstruais são chamados de diferentes formas, mas estão cada vez mais populares no Brasil.

Não conhece nenhum desses termos? Então você está perdendo tempo, definitivamente! Gosto até de colocar um sinônimo para Coletor Menstrual: liberdade.

E esquece aquelas propagandas de mulheres correndo de roupa branca, com o Coletor Menstrual você pode ir muito além disso.

O famoso copinho, ou nem tão famoso assim, tem o formato de um mini copo, com uma haste inferior que auxilia na retirada do mesmo quando colocado no canal vaginal.

Opa! Peraí! Vou colocar um copo dentro da minha pepeka? 

Sim, você vai! E ainda vai me agradecer muito por isso.

Ao invés de absorver a sua menstruação, juntando um monte de sangue em um pedaço de coisa sintética, sabe-se lá feita de que…

O coletor vai “guardar” o seu fluxo, podendo garantir proteção de até 12h.

Mas não vale passar disso!

A matéria prima do nosso Coletor Menstrual Fleurity é importada, mas a fabricação é nacional, até porque precisamos valorizar a mão de obra que temos em casa, não é mesmo?

O silicone medicinal (cirúrgico e hipoalergênico) é super maleável, fazendo com que as dobras (falaremos mais sobre elas) sejam facilitadas. 

Além disso, você vai achar que nem está menstruada, porque não irá sentir absolutamente nada! Incrível, né?

Outra boa notícia é que você pode lavar e usar novamente, de novo, de novo e de novo… 

Tornando o seu consumo sustentável e muito mais econômico, já que você não estará fazendo descartes de materiais não recicláveis na natureza ou comprando infinitos pacotes de absorventes (quem tem fluxo intenso que o diga).

Agora você vai ficar em choque: se você cuidar bem do seu copinho, ele poderá durar por até 3 anos! 

Como “marinheira de primeira viagem”, você deve estar se perguntando “para que serve um Coletor Menstrual?”, mas não se preocupe, vou explicar.

O Coletor Menstrual serve para você tomar o controle do seu período menstrual, se sentir linda, leve, seca e segura.

Não existe nada mais prazeroso do que fazer xixi menstruada, passar o papel para se limpar e “voilà”... sair limpinho.

Ele também evita aquela famosa frase “amiga, vou levantar e você olha se vazou”. 

Depois que você pegar a manha vai ser muito fácil colocar e tirar o seu copinho, garantindo que ele cumpra seu papel essencial: coletar o sangue menstrual.

Se você é adepta das coisas holísticas e dos “paranauês” polêmicos de rituais com sangue menstrual, ele também vai ser um forte aliado. 

Sabemos que “plantar a lua” está sendo uma opção para várias mulheres que desejam ressignificar o nojo da menstruação e se reconectar consigo mesmas e com a natureza.

Fica ao seu critério!

A menstruação sempre foi um grande tabu para a maioria das pessoas, inclusive, podemos conversar abertamente sobre este assunto.

Quando descartamos um absorvente, também estamos jogando fora o nosso sangue: no lixo! 

O Coletor Menstrual possibilita que você respeite o seu momento, com a retirada do copo podendo ser feita, inclusive, durante o banho.

Muito melhor, não é mesmo?

Veja mais em: Tudo o que você precisa saber sobre Coletor Menstrual

Agora que você já sabe o que é e para que serve o Coletor Menstrual, você já está preparada para a resposta…

O Coletor pode dar cólicas menstruais?

A resposta para essa pergunta é: só no caso que iremos falar aqui!

Você já deve ter ouvido falar de alguém próximo que a cólica menstrual tem relação com o coletor…

E essa é a única relação entre os dois.

Não entendeu? Deixa eu te explicar.

A única relação entre os dois é que algumas pessoas assemelham cólica com coletor!

Caso você não saiba, a cólica é causada pelo esforço do seu útero em liberar o endométrio (a “capinha” que reveste a parede uterina e é expelida durante a menstruação). 

Portanto, se no momento em que você colocar ele, inserir muito, ele chegará próximo ao seu útero e o vácuo te causará desconforto. 

Aconselhamos sempre que não o coloque tão fundo, assim não te causará incômodos e você se sentirá livre!

Sendo assim, não necessariamente é cólica…

Mas sim, um desconforto por conta do vácuo do coletor!

Esse desconforto também pode acontecer porque o coletor não foi posicionado corretamente ou porque ele é muito grande.

Quer descobrir absolutamente TUDO sobre a cólica menstrual? Veja este conteúdo: Revelado: Tudo que nunca te contaram sobre Cólica Menstrual

Por esse e outros motivos é MUITO importante que você saiba como inserir o Coletor Menstrual corretamente.

Veja como fazer as dobras e inserir o Coletor Menstrual corretamente!

Dobra em C

Simples como uma manhã de sol em dia de domingo, a dobra “em C” é a mais fácil de ser feita, podendo garantir tempo de sobra para outros detalhes, como a escolha da roupa, por exemplo.

Para que ela aconteça basta ficar atenta aos dois pequenos furinhos presentes no seu coletor Fleurity, encostando um no outro, como se estivesse fechando.

Logo após, dobre o coletor, visualizando a letra C. Ele ficará com uma espécie de camadas sobrepostas e está pronto para ser inserido no seu canal vaginal.

Falei que era simples! Assista o vídeo explicativo! Ele também contém as demais dobras que falaremos a seguir.

Dobra Punchdown

Para que essa dobra possa ser realizada com segurança, você também deverá observar os furinhos do seu coletor, eles serão sempre a sua referência.

Coloque um dos dedos em cima de um dos furinhos e pressione para baixo. Apenas um dos lados ficará dobrado, como se estivesse afundado para dentro, formando uma espécie de bico.

Para que ele fique aberto da forma correta no seu canal, basta ir apertando a dobra formada enquanto introduz o coletor.

Dobra em 7

Mantenha os furinhos um em frente ao outro e aperte o coletor, logo após, dobre um dos lados bem em cima dos furinhos, fazendo um formato de 7.

Essa dobra também forma uma base para que você possa empurrar o coletor enquanto introduz, garantindo que ele fique 100% aberto.

Dobra Duplo 7

Como o próprio nome já diz, a dobra “duplo 7” seguirá as mesmas orientações que passei no item anterior, mas você dobrará uma segunda vez, virando o coletor para trás.

Ou seja, uma dobra “em 7” de cada lado! Não se esqueça de que o vídeo explicativo está no nosso canal!

Dobra Origami

Essa era uma das minhas dobras favoritas, como já contei para vocês, antes de me apaixonar pela “em C”.

Explicar o “origami” com palavras pode ser um pouco difícil, mas vou tentar:

Direcione os furinhos, como de praxe, afunde um dos lados do seu copinho (o outro lado ficará “de pé” e, logo após, dobre apenas em cima da parte afundada.

Empurre pela parte firme construída embaixo, para que possa ser aberto em sua totalidade, evitando vazamentos.

Dobra em E

Essa é uma dobra bem parecida com a “em C”, mas formando uma nova letra do alfabeto, o E.

Firme seus dedos onde os furinhos se encontram e aperte apenas um dos lados, encoste a parte reta, apertando-a contra o lado que já está dobrado.

Logo após o encontro das partes, dobre-a por cima da parte dobrada inicialmente, visualizando o formato de E, que forma 6 camadas.

Dobra Triângulo

O triângulo é parente super próximo da dobra em formato de 7, visto que precisamos fazer o mesmo processo, porém, ao invés de dobrar ao meio (onde ficam os furinhos), você irá dobrar bem no final do coletor, formando um verdadeiro triângulo.

Essa é uma das dobras mais fáceis para que você visualize se o copinho foi aberto em sua totalidade quando inserido.

Dobra em S

Encoste os furinhos um no outro e “entorte” o seu coletor Fleurity até formar um S. Ele também irá formar um “aglomerado” de 6 camadas.

Dobra meio diamante

Por último, mas com o clichê de não menos importante, apresento a queridinha das mulheres: a dobra meio diamante.

Una os furinhos, como já falei anteriormente em outros tipos de dobras, puxe apenas um deles para baixo, dobrando uma das partes.

Aperte as partes da esquerda e da direita - comprimindo o silicone - e dobre ao meio, deixando o formato do coletor bem comprido.

Essa é uma dobra que poderá ser inserida estando virada para cima ou para baixo, tanto faz, apenas se certifique de que o copo coletor abriu completamente dentro do seu canal vaginal.

O que achou deste conteúdo?

Gostaria de aprender um pouco mais sobre Coletor Menstrual?

Veja mais sobre Coletor Menstrual em: Tudo o que você precisa saber sobre Coletor Menstrual