O que é nidação? Conheça a diferença entre nidação e menstruação

Na maioria dos casos, a nidação não apresenta nenhum sintoma e acaba passando despercebido pela gestante.

O sangramento de nidação ocorre em 25% das gestações, sendo um dos primeiros sinais de uma gravidez.

Por ocorrer próximo ao período menstrual, muitas mulheres confundem a nidação com um escape de menstruação.

Porém, apesar de serem confundidas, a nidação apresenta sinais

diferentes da menstruação

Sendo assim, é possível diferenciar o sangramento de nidação da menstruação!

Pensando nisso, no conteúdo de hoje vamos falar tudo sobre nidação, o que é, seus sintomas, como aumentar as chances…

E claro, como você pode diferenciar o sangramento de nidação com a menstruação.

Quer saber mais sobre o assunto? Então, continue a leitura, amigx!

O que é sangramento de nidação?

A nidação, também chamada de implantação, corresponde à fixação do óvulo fecundado na parede do útero

Com isso, se dá início ao processo gestacional.

Esse processo leva cerca de 5 a 7 dias para ocorrer, porém, esse tempo pode variar de acordo com o ciclo menstrual da mulher.

Nesse processo de fixação do zigoto pode ocorrer um leve sangramento, com duração média de 1 a 3 dias.

Esse sangramento ocorre porque ao se fixar ao endométrio, esse zigoto faz com que haja uma descamação

Essa descamação ocorre nas pequenas partes da camada endometrial e são expelidas pelo organismo.

O sangramento de nidação geralmente ocorre entre 7 e 14 dias após a concepção.

Aqui está uma visão mais detalhada de um cronograma geral de ovulação, fertilização e nidação:

  • Dia 1: primeiro dia do período menstrual;
  • Dias 14 a 16: ocorre a ovulação (pode variar);
  • Dias 18 a 20: ocorre a fertilização;
  • Dias 24 a 26: a nidação acontece e o sangramento de implantação pode ocorrer.

O sangramento de nidação é comum e pode ser o primeiro sinal de gravidez, ocorrendo em até 25% das gestações.

O que é menstruação?

Todos os meses, o corpo se prepara para uma possível gravidez e trabalha para que o útero esteja pronto para que haja fecundação.

Sendo assim, os ovários produzem hormônios que desenvolvem a camada que reveste o útero, chamada de endométrio.

Ao longo dos dias, o endométrio engrossa, fica rico em vasos sanguíneos e se prepara para receber o óvulo no momento em que for liberado pelo ovário

Masss, quando a fecundação não ocorre, o útero descama e provoca a perda de sangue…

Aí vem a menstruação!

A menstruação nada mais é do que a descamação do endométrio, que era para ser uma "casinha" para a gravidez!

Conheça qual a diferença entre menstruação e nidação

É normal que algumas pessoas possam confundir o período menstrual com a nidação…

Isso porque, em alguns casos, os sintomas são semelhantes e ocorrem perto do período menstrual.

Mas a verdade é que a única maneira certa de saber se é ou não um sangramento de nidação, é fazendo um teste de gravidez. 

No entanto, alguns aspectos podem ser notados, e você pode conseguir identificar se é nidação ou menstruação

Confira abaixo as principais diferenças entre o sangramento de nidação e a menstruação:

Menstruação

  • Normalmente dura entre 3 a 7 dias, sendo contínua;
  • Sangramento abundante de cor vermelha viva – principalmente nos primeiros dias;
  • Pode vir acompanhada por alguns coágulos;
  • O sangramento costuma vir intenso e fica mais leve no final;
  • Cólicas uterinas que podem ocorrer antes do sangramento e continuar durante a menstruação.

Sangramento de nidação

  • Geralmente dura poucas horas e não passa de 3 dias;
  • O sangramento não é contínuo e costuma ser muito leve;
  • Possui tom rosado ou marrom semelhante à borra de café;
  • Cólicas uterinas muito mais leves ou inexistentes.

Como podemos ver, a principal diferença entre a menstruação e a nidação é o tempo de duração do fluxo e a cor do sangramento.

Outro fato muito importante é que, ao contrário da menstruação, a nidação dura apenas de 1 a 3 dias.

Vale lembrar que o sangramento de nidação não é uma regra, ok?

Não são todas as mulheres que conseguem constatar a gravidez pela ocorrência deste sangramento…

Afinal, cada organismo é diferente e o sangramento pode se mostrar ausente no processo.

Quais são os sintomas da nidação?

O sintoma de nidação mais comum é o sangramento leve, que dura até 3 dias e possui tom rosado ou marrom.

A nidação, na maioria das vezes é assintomática, ou seja, ocorre sem que a mulher perceba nada de diferente em seu organismo. 

No entanto, mulheres que são mais atentas às mudanças do corpo costumam relatar dor pélvica leve ou cólica.

Entretanto, a nidação pode vir acompanhada de sintomas típicos do primeiro trimestre de uma gravidez.

Confira abaixo quais são os sintomas mais comuns:

  • Mudanças de humor;
  • Náusea e vômitos;
  • Dores de cabeça;
  • Dor nas costas;
  • Cólicas leves;
  • Seios sensíveis e/ou inchados.

Esses sintomas têm relação direta com a produção do hormônio Gonadotrofina Coriônica Humana (HCG), conhecido como hormônio da gravidez. 

O HCG e demais hormônios que passam a ser produzidos pelo organismo são agentes protetores do feto, impedindo que o organismo da mulher tente expeli-lo.

Quer saber identificar qual a diferença entre os sintomas da TPM e gravidez?

Veja aqui: TPM ou Gravidez? Veja como descobrir facilmente com esses testes

Conheça a diferença entre ovulação e nidação

Enquanto o sangramento de nidação ocorre quando um óvulo fertilizado se fixa ao revestimento interno do útero…

Por outro lado, as manchas que ocorrem durante a ovulação acontecem na época em que seu corpo libera um óvulo.

Outra diferença é que, as manchas de ovulação geralmente ocorrem no meio do ciclo menstrual.

E ao contrário da ovulação, o sangramento de nidação acontece alguns dias antes de ocorrer a próxima menstruação.

Assim como qualquer mudança no nosso corpo, o organismo pode apresentar alguns sintomas – como acontece com a ovulação e a nidação.

Confira abaixo as principais diferenças entre o sangramento de nidação e a ovulação:

Ovulação

  • Aumento da libido;
  • Dor abdominal em um ou dos dois lados da pélvis;
  • Secreção elástica e transparente – semelhante a clara de ovo;
  • Seios inchados e/ou sensíveis
  • Temperatura corporal basal.

Sangramento de nidação

  • Geralmente dura poucas horas e não passa de 3 dias;
  • O sangramento não é contínuo e costuma ser muito leve;
  • Possui tom rosado ou marrom semelhante à borra de café;
  • Cólicas uterinas muito mais leves ou inexistentes.

Além desses sintomas, você também pode sentir alguns sintomas semelhantes a gravidez – que inclusive te falamos logo acima.

Caso você perceba o sangramento de nidação, fique tranquila!

Você não precisa se preocupar, pois ele não representa nenhum perigo para o feto.

O que acontece após a nidação?

Quando o zigoto se implanta na camada do endométrio e de lá passa a ter acesso a oxigênio e os nutrientes para o desenvolvimento do saco gestacional e crescimento do feto…

Então, é neste momento que a gravidez ocorre!

Assim que a mulher identificar qualquer sintoma de gravidez, o ideal é fazer o teste de gravidez para confirmar as suspeitas

Se o resultado for positivo, deve procurar aconselhamento junto ao ginecologista obstetra e dar início ao seguimento pré-natal.

O primeiro trimestre gestacional exige cuidados, por isso é necessário atenção por parte da gestante neste período.

Como aumentar as chances de nidação?

A melhor maneira de aumentar as chances de nidação é ter relações sexuais no período fértil

Isso porque o muco cervical estará mais escorregadio e produzirá uma grande quantidade…

Esse tipo de muco permite que o espermatozoide entre no útero e chegue até o óvulo com mais facilidade durante a ovulação!

Além disso, o muco cervical também ajuda a aumentar a lubrificação e protege os espermatozoides da acidez da vagina…

Assim, durante o período fértil, a função do muco cervical é facilitar que os espermatozóides cheguem até as tubas uterinas para fecundar o óvulo.

Isso quer dizer que o muco cervical é um facilitador da fecundação!

Por esse motivo, conhecer bem o ciclo menstrual ajuda a identificar com maior facilidade e exatidão o período exato da fertilidade.

Quer saber mais sobre o muco cervical?

Veja aqui: 6 curiosidades inusitadas sobre o muco cervical – e que você não sabia

Quando consultar um médico?

Existem muitas causas possíveis para o sangramento vaginal durante a gravidez…

Os médicos levam isso muito a sério e por isso as grávidas são orientadas a procurar um profissional caso ocorra.

Mesmo que nem todo sangramento seja um sinal de complicação, é provável que você precise realizar exames, como um ultrassom vaginal.

O sangramento de nidação é comum, porém, outros tipos de sangramentos podem indicar que você precisa ir ao médico:

  • Sangramento vaginal vermelho brilhante;
  • Sangramento intenso com coagulação;
  • Dor ou cólicas muito fortes.

Estes podem ser sinais de aborto espontâneo ou gravidez ectópica, os quais requerem atenção médica imediata.

No entanto, você deve procurar atendimento imediatamente se estiver sentindo dor ou sangramento vaginal.

Além disso, existem outros sintomas que também podem indicar problemas que precisam de atenção médica. 

Você também deve falar com seu médico se tiver sintomas como:

  • Tontura;
  • Fraqueza;
  • Incapacidade de reter líquidos.

Seu médico – ou médica – provavelmente fará perguntas sobre seus sintomas e histórico médico para determinar o melhor tratamento para você.

Bom, chegamos ao fim de mais um conteúdo recheado de curiosidades e informações aqui no Blog da Fleurity!

Esperamos que você tenha gostado e todas as suas dúvidas tenham sido esclarecidas.

Caso você ainda não siga a Fleurity Brasil no Instagram, corre para seguir! Sabe por quê?

Lá no Instagram postamos conteúdos todos os dias no feed e nos stories, abordando assuntos como saúde feminina, menstruação, sustentabilidade e muuuito mais.

Eu te espero no próximo conteúdo, beijinhos!

Carrinho de compras

Não há mais produtos disponíveis para compra

Seu carrinho está vazio.

✔️ Produto adicionado com sucesso.