Saiba os malefícios do excesso de remédios para cólica menstrual e alternativas de tratamento

Está sofrendo com os sintomas do período pré-menstrual e não sabe o que fazer?

Relaxa, você não está sozinhx nessa!

Isso é mais comum do que você imagina…

Um estudo realizado pelo Ministério da Saúde revelou que mais de 80% das mulheres sentem pelo menos um sintomas de TPM

Entre os sintomas mais comuns está ela, a tão dolorosa e temida cólica menstrual!

Muitas mulheres ao sentir a cólica menstrual chegando acabam recorrendo aos analgésicos sem imaginar como fazem mal à saúde.

Aliás, você sabia que há diversas formas de aliviar a cólica menstrual naturalmente?

No conteúdo de hoje vamos te explicar porque tomar remédios para a cólica não é benéfico e como você pode aliviá-la de forma natural!

Quer parar de sofrer com as cólicas menstruais? Então, continue a leitura para conferir o conteúdo, amigx!

O que causa cólicas menstruais?

Conhecida como cólica menstrual, a dismenorréia é muito comum durante a TPM e o período menstrual.

Durante a menstruação, o útero se contrai para se livrar de seu revestimento – conhecido como endométrio…

As cólicas menstruais acontecem quando uma substância química faz o útero se contrair.

Sendo assim, a dismenorreia é dividida em dois tipos principais de cólicas menstruais:

Dismenorreia primária

Sendo considerada o tipo de cólica menstrual mais comum, a dismenorreia primária é causada pela prostaglandina. 

A prostaglandina é um hormônio encontrado no revestimento uterino que começa a aumentar sua produção no início da menstruação. 

A dismenorreia primária geralmente tende a piorar no período pré-menstrual e no início da menstruação, porém, isso diminui com a idade.

As mulheres que apresentam dismenorréia primária são mais propensas a terem cólicas apenas durante os primeiros dias da menstruação.

Dismenorreia secundária

A dismenorreia secundária é considerada a menos comum, sendo causada por uma condição médica

Como uma infecção ginecológica, distúrbio disfórico pré-menstrual (TDPM), endometriose, miomas uterinos ou cistos ovarianos

Essas cólicas menstruais costumam piorar com a idade e podem durar toda a menstruação

As mulheres que apresentam dismenorréia secundária precisam se consultar com um(a) ginecologista para avaliar o caso, encontrar a causa e o tratamento ideal. 

Por que tomar remédios para a cólica faz mal?

Não é novidade para ninguém que o excesso de medicamentos pode trazer efeitos colaterais ao organismo, não é mesmo?

Alguns medicamentos quando usados frequentemente, podem inclusive causar efeito rebote

Ou seja, acontece quando o seu organismo se acostuma com as substâncias e deixam de fazer efeito. 

Um exemplo disso são os anti-inflamatórios utilizados para aliviar a dor de cabeça na TPM…

Eles não são indicados para uso prolongado pelo risco de distúrbios no estômago e modificação do funcionamento intestinal.

Veja abaixo quais são os malefícios dos medicamentos para a cólica:

  • Náuseas e vômitos;
  • Dependência;
  • Intoxicação;
  • Prejuízos no funcionamento do fígado e rins;
  • Irritação no estômago;
  • Hipersensibilização.

Sendo assim, é importante que antes de iniciar qualquer medicação, você consulte um especialista para que ele prescreve o tratamento adequado.

Como aliviar a cólica menstrual naturalmente?

Muitas mulheres e homens que menstruam têm a sua rotina comprometida devido aos sintomas da TPM…

Se você também sofre com isso, eu tenho uma notícia ótima para te dar…

Mesmo que a TPM ainda não tenha cura, há diversas ações que podem ser tomadas para amenizar os sintomas, viu?

Então, vamos descobrir quais são essas ações? Vem comigo!

Atividades Aeróbicas

Bom, não é novidade para ninguém que praticar atividades físicas são maravilhosas para a nossa saúde, não é mesmo?

Mas, será que a prática de atividades físicas ajudam a diminuir a cólica menstrual?

A resposta é: SIMMM! 

Segundo estudo da Universidade Politécnica de Hong Kong, na China, fazer exercícios regularmente pode ajudar no alívio das dores causadas pela menstruação.

De acordo com a ginecologista Caroline Wall Obrali em entrevista para o Globo Esporte, as atividades físicas são eficazes e têm o poder de diminuir sintomas da TPM! 

Quer descobrir como?

A ginecologista afirma que as atividades estimulam a produção de hormônios que trazem a sensação de bem-estar, como é o caso da endorfina e dopamina…

Além disso, a prática dessas atividades ajudam a diminuir os hormônios do estresse – como a adrenalina e o cortisol.

Então, selecionamos para você as atividades aeróbicas mais indicadas para aliviar a cólica: 

  • corrida;
  • caminhada; 
  • dança; 
  • andar de bicicleta;
  • luta, como boxe;
  • pular corda.

Além de aliviar a cólica menstrual, as atividades aeróbicas também ajudam a diminuir a ansiedade, estresse, dor de cabeça…

Então escolhe a atividade que você mais gosta e separa uma roupa bem linda e colorida para aliviar a sua TPM e dar tchau pro estresse!

Yoga

Um estudo publicado no PubMed revelou que assim como os exercícios aeróbicos, o yoga reduz as cólicas menstruais.

Neste estudo, as mulheres que fizeram yoga uma vez na semana por 60 minutos durante 12 semanas mostraram melhoras significativas na cólica menstrual.

Se você tem o desejo de praticar yoga, procure uma aula com um componente físico e um componente de relaxamento. 

A pesquisa sugere que essa combinação é mais eficaz na redução da dor das cólicas menstruais.

Evite cafeína e alimentos salgados

Além de aliviar as cólicas, se você deseja evitar a retenção de líquidos, inchaços e desconfortos, é uma boa ideia evitar certos alimentos.

Sendo assim, confira abaixo quais são os alimentos que você deve evitar durante a TPM:

  • Alimentos salgados;
  • Cafeína;
  • Álcool;
  • Comidas gordurosas;
  • Doces.

Além disso, de acordo com um estudo publicado no PubMed, uma dieta vegetariana com baixo teor de gordura pode ajudar a reduzir a cólica menstrual e os sintomas da TPM.

Aromaterapia

A aromaterapia é uma técnica natural que utiliza o aroma e as partículas liberadas por diferentes óleos essenciais…

Sendo assim, esse aroma tem o poder de estimular diferentes partes do cérebro, aliviando sintomas e ajudando a promover o bem-estar.

Para aliviar as cólicas menstruais é ideal que o uso dos óleos essenciais sejam feitos com uma massagem no abdômen.

Além disso, você também pode utilizá-lo em compressas na área dolorida

Para isso, basta adicionar de 5 a 10 gotas de óleo essencial em panos com água morna ou quente e deixar agindo por 2 minutos.

A massagem é a opção perfeita para tratar dores musculares, infecções, problemas de pele e para as cólicas menstruais.

Para realizá-la, você pode misturar óleos essenciais com um óleo veicular – também chamados de neutros – para facilitar a massagem na pele.

É importante lembrar que como os óleos essenciais são concentrados, eles podem causar irritação…

Com isso, evite usá-los com força total na pele, combinado?

Confira abaixo quais são os óleos essenciais indicados para aliviar a cólica menstrual:

  • Óleo essencial de Lavanda;
  • Óleo essencial de Gerânio;
  • Óleo essencial de Canela;
  • Óleo essencial de Sálvia.

Quer saber mais sobre a aromaterapia e quais as formas que você pode usá-la?

Veja aqui: Saiba porque a Aromaterapia pode ser sua melhor aliada contra as cólicas menstruais

Bolsa Térmica de Sementes

A Bolsa Térmica de Sementes é ideal para aliviar as suas dores do dia a dia, e, principalmente, para aliviar os sintomas da TPM

Basicamente, ela é uma bolsa térmica feita com sementes e é 100% natural, ou seja, sustentável.

Ela também pode ser usada tanto quente como fria, você que escolhe!

Vamos descobrir quais são os benefícios dessa maravilha?

Temperatura quente

Esquente a bolsinha no micro-ondas (não use em forno convencional). 

Ao colocá-la no micro, ela não deve encostar nas paredes do equipamento. 

O tempo de aquecimento varia entre 01:30 e 2:30 minutos, experimente na sua pele até encontrar a temperatura desejada, se necessário aguarde alguns minutos antes de usar.

Segundo diversos estudos, o calor ajuda a dilatar os vasos sanguíneos e aumenta o fluxo de oxigênio e nutrientes para ajudar a curar os tecidos danificados.

A Bolsa Térmica de Sementes Fleurity também proporciona um calor úmido…

dessa forma penetrando mais profundamente e rapidamente para aumentar a circulação e relaxar os músculos.

As sementes têm a incrível capacidade de absorver calor muito rapidamente e dissipá-lo muito lentamente…

Penetrando no corpo de forma mais eficaz que outros métodos, produzindo rápida desinflamação e alívio na área desejada.

Os benefícios em usá-la quente, são: 

  • Cólicas menstruais ou abdominais;
  • Alívio de dores ou tensões musculares;
  • Relaxamento muscular;
  • Torcicolo;  
  • Dores cervicais;
  • Alívio de dores nas articulações;
  • Melhor funcionamento do intestino;
  • Bem-estar em geral;
  • Melhora a circulação sanguínea;
  • Aumento da temperatura corporal, diminuindo sensações de frio.

Temperatura fria: 

Coloque a bolsinha dentro do congelador embalada em um plástico ou dentro de um recipiente para a proteção da umidade. Deixe no freezer por até 3 horas. 

Como uma compressa fria, ela atua reduzindo o fluxo sanguíneo para uma área específica, o que pode reduzir significativamente a inflamação e o inchaço que causam dor.

Os benefícios em usá-la fria, são: 

  • Alívio de dor de dente e enxaqueca;
  • Previne edemas e inchaços; 
  • Evita hematomas;
  • Suaviza olheiras;
  • Tendinite;
  • Pés cansados.

Para cuidar e higienizar a bolsinha é super simples...

Ela possui uma capa externa removível... 

Quando você achar necessário, você pode remover a capa e lavá-la com sabão neutro, deixando secar em um espaço com ventilação e sombra.

O enchimento interno (onde fica as sementes) não devem ter contato direto com água, para sua higienização você deve usar somente um pano úmido e deixar secar ao sol.

Maravilhosa, não é?

Além de ser suuuper fácil de usar, ela é natural e 100% sustentável!

Tá afim de adquirir a sua?

Sendo assim, eu tenho uma ótima notícia para você…

Você pode adquirir a sua Bolsa Térmica de Sementes na própria loja oficial da Fleurity!

Aliás, você pode ir até a loja oficial facilmente apertando aqui.

Chegamos ao fim de mais um conteúdo recheado de curiosidades e informações aqui no Blog da Fleurity!

Esperamos que você tenha gostado e todas as suas dúvidas tenham sido esclarecidas.

Caso você ainda não siga a Fleurity Brasil no Instagram, corre para seguir! Sabe por quê?

Lá no Instagram postamos conteúdos todos os dias no feed e nos stories, abordando assuntos como saúde feminina, menstruação, sustentabilidade e muuuito mais.

Te espero no próximo conteúdo, beijinhos!

Carrinho de compras

Não há mais produtos disponíveis para compra

Seu carrinho está vazio.

✔️ Produto adicionado com sucesso.