Um guia prático para entender mais sobre a cor do xixi.

Um guia prático para entender mais sobre a cor do xixi.

Ah, o xixi! Algo tão natural e corriqueiro, uma das necessidades básicas do ser humano cuja importância muitas vezes passa despercebida.  

O xixi limpa nosso organismo, indica se tudo está bem com nosso trato urinário e renal, e pode indicar se estamos nos hidratando corretamente. Além disso, para muitas mulheres, é um dos primeiros sinais de que tem um bebezinho chegando.  

Sabendo da importância do xixi na vida das mulheres, elaboramos um miniguia sobre o assunto. Continue a leitura e fique por dentro!  

Xixi da menstruação e xixi da gravidez  

Todo mundo que já fez uma pesquisa sobre os sintomas da gravidez se deparou com a questão da urina. Mas nem sempre ter vontade de fazer xixi toda hora significa que a mulher está grávida, muitas pessoas acabam fazendo mais xixi no período pré-menstrual.  

Como diferenciar se o excesso de xixi é gravidez ou menstruação? Realmente esse pode ser um sintoma meio confuso. Um bom regulador é observar se está levantando para fazer xixi a noite, sem que isso seja um costume.  

Nesse caso, vale a pena fazer um teste de farmácia ou exame de sangue para detectar uma possível gravidez.  

Xixi com sangue  

O sangue na urina pode ter vários significados, desde a presença da menstruação, até um problema no rim ou trato urinário. Saber quais os sintomas que devem despertar o alerta é essencial para procurar ajuda na hora certa.  

Ardência na hora de fazer xixi, presença de fios de sangue e urina rosada são sintomas de uma possível infecção e valem a pena ser investigados.  

Embora o canal urinário seja diferente do canal vaginal, por onde sai a menstruação, as mulheres observam que nos primeiros dias de menstruação a urina sai com sangue e até mesmo alguns pedacinhos de uma massinha sólida. Não há motivos para alarde se o evento ocorrer apenas no início do ciclo.  

Xixi depois do sexo  

Este não é um mito! Fazer xixi depois do sexo é muito importante, pois, evita infecções do trato urinário — especialmente para mulheres que são acometidas por esse mal com mais frequência do que os homens.  

O ideal é que o xixi seja feito até 45 minutos após o término da transa, para eliminar a E.coli, uma bactéria que pode causar dor ao urinar.  

A própria urina é um poderoso recurso que ajuda a limpar a uretra das bactérias, que costuma ser menor do que a dos homens. Além disso, fica muito próxima ao ânus, facilitando o acesso  de microrganismos até a bexiga. 

Frequência do xixi  

O normal é ir ao banheiro de quatro a sete vezes por dia, com um intervalo de  aproximadamente 2 horas em cada ida ao banheiro. No entanto, esse número pode variar a depender de alguns fatores. Veja alguns exemplos:  

  • Doenças cardiovasculares podem diminuir a frequência por conta da retenção de líquidos;  
  • O tipo de líquido ingerido durante o dia pode aumentar ou diminuir a frequência;
  • Prática de exercícios aumentam a frequência por conta do suor.  

Fique sempre atenta as alterações bruscas na frequência do xixi e ao aspecto dele. Por exemplo, se você é uma pessoa que vai muito ao banheiro e de repente diminui a frequência, vale observar se mudou algo na alimentação ou ingestão de líquidos e procurar um médico para uma avaliação mais precisa.  

Chegamos ao final do nosso guia prático sobre o xixi. Esperamos que as informações contidas em todo o texto sejam úteis para que você possa cuidar da sua saúde como seu corpo merece. Valorize o xixi e tudo o que ele pode  representar!  

Curta nosso perfil no Instagram e tenha acesso a mais artigos interessantes sobre saúde e bem-estar.