Descubra o que desperta o desejo sexual feminino e a relação com o ciclo menstrual

Descubra o que desperta o desejo sexual feminino e a relação com o ciclo menstrual

Ovulação, ciclo menstrual, TPM, desejo sexual

Você já deve ter ouvido falar que a ovulação é o período em que a mulher se sente mais excitada, não é mesmo?

Isso é verdade!

Apesar de ser a mais conhecida, o desejo sexual da mulher não aumenta somente durante a ovulação.

Existem outras fases do ciclo menstrual e momentos específicos que podem ascender o fogo por completo…

Se você deseja saber quais são esses momentos, a hora é agora!

Para esclarecer todas as suas dúvidas relacionadas a libido, preparamos um conteúdo completo sobre o tema…

Vamos descobrir juntas como o ciclo menstrual influencia na libido e quais as outras situações em que o desejo sexual da mulher aumenta.

Quer saber mais sobre o assunto? Então, continue a leitura amiga!

Fases do ciclo menstrual

Como já te falamos aqui, o ciclo menstrual começa no primeiro dia da menstruação e só acaba no primeiro dia da menstruação seguinte.

Sendo assim, é durante a menstruação que o ciclo menstrual se inicia e passa por todas as suas fases novamente.

Vamos descobrir juntas quais são essas fases...

Fase menstrual e o desejo sexual

A fase menstrual é a primeira fase do ciclo menstrual.

Além disso, ela também representa o início do período menstrual, ou seja, o primeiro dia da menstruação.

Então, vamos entender um pouco mais sobre a menstruação e como esse período funciona...

Todos os meses, o corpo se prepara para uma possível gravidez e trabalha para que o útero esteja pronto para que haja fecundação.

Sendo assim, os ovários produzem hormônios que desenvolvem a camada que reveste o útero, chamada de endométrio. 

Ao longo dos dias, o endométrio engrossa, fica rico em vasos sanguíneos e se prepara para receber o óvulo no momento em que for liberado pelo ovário...

Masss, quando a fecundação não ocorre, o útero descama e provoca a menstruação!

Esse período geralmente vem acompanhado de alguns sintomas, sendo estes os mais comuns:

  • Cólicas;
  • Inchaço e dor nas mamas;
  • Inchaço e retenção de líquidos;
  • Mudanças de humor;
  • Irritabilidade;
  • Dores de cabeça;
  • Apetite descontrolado;
  • Acne;
  • Cansaço.

Em média, o período menstrual dura entre 3 a 7 dias. 

Porémmm, isso não é uma regra e algumas mulheres têm períodos menstruais mais curtos ou longos do que outras.

Muitas pessoas sentem o aumento da libido durante a menstruação

Porém, não sabem por qual motivo isso acontece.

O aumento da libido acontece porque durante esta fase, os níveis de estrogênio são mais elevados do que os níveis de progesterona.

Pode acontecer também um aumento da lubrificação vaginal, além de uma vascularização na região clitoriana.

Assim, esse órgão, unicamente responsável pelo prazer feminino, fica ainda mais sensível, facilitando a mulher a chegar no orgasmo.

Fase folicular e o desejo sexual

A fase folicular do ciclo menstrual começa no primeiro dia da menstruação e acontece antes da elevação da concentração do hormônio luteinizante (LH).

Ela tem esse nome porque os folículos ovarianos crescem enquanto o corpo se prepara para uma possível gravidez.

Essa fase dura aproximadamente 15 dias e pode variar de 9 a 23 dias – depende de cada ciclo.

Durante a fase folicular, o muco vaginal fica meio pastoso, sem muita consistência e elasticidade.

No início dessa fase – ou seja, no início da menstruação – a concentração de estrogênio e progesterona é baixa, levando a produção do hormônio foliculoestimulante (FSH).

Dessa forma, ocorre um aumento desse hormônio para que ele estimule o desenvolvimento de folículos nos ovários.

O hormônio foliculoestimulante (FSH) estimula os ovários a produzirem cerca de 5 a 20 pequenos sacos chamados folículos.

Aliás, você sabia que cada folículo contém um óvulo imaturo?

Porém, somente o óvulo mais saudável acaba amadurecendo e o restante dos folículos são reabsorvidos pelo corpo.

Então, na metade da fase folicular ocorre o aumento do estrogênio…

Hormônio feminino responsável por preparar o organismo para uma possível gravidez.

O estrogênio estimula o crescimento do endométrio e o muco começa a se tornar elástico e fino…

Preparando o ambiente para a chegada dos espermatozoides.

É nessa fase que o organismo para de produzir o hormônio FSH e aumenta a produção do hormônio luteinizante (LH)...

Com isso, as mulheres tendem a sentir mais excitação sexual no final da fase folicular…

Isso porque estará dando início a ovulação.

Fase ovulatória e o desejo sexual

O aumento dos níveis de estrogênio durante a fase folicular aciona glândula pituitária…

Resultando em um rápido crescimento do hormônio luteinizante (LH).

Esse hormônio é responsável por selecionar o óvulo mais maduro para sair do ovário e entrar nas tubas uterinas...

Assim, o óvulo viaja pelas trompas – ou tubas uterinas – em direção ao útero para fertilizar o espermatozóide e ocasionar uma gravidez.

Esse procedimento é conhecido como “ovulação”, o processo natural que ocorre após a menstruação por volta do 14º dia do ciclo.

Muitas mulheres acreditam que ovulam no 14º dia após a menstruação, mas, o dia da ovulação pode variar de acordo com cada ciclo...

Geralmente, a ovulação ocorre no 14º quando a mulher tem um ciclo menstrual regular com duração de 28 dias.

Como já sabemos, a fase ovulatória é o único momento de todo o ciclo em que a mulher se encontra fértil. 

A ovulação dura em torno de 12 a 48 horas e algumas mulheres relatam apresentar alguns sintomas…

Mas, muitas não percebem nada e não há nenhum outro sinal de que está ovulando.

Veja quais são os sintomas da ovulação:

  • Aumento da libido;
  • Dores na região pélvica;
  • Pequeno sangramento;
  • Aumento da temperatura corporal;
  • Muco cervical transparente, elástico e escorregadio.

No ciclo menstrual, o pico da libido feminina coincide com o período fértil... 

Nesta fase, os altos níveis de estrogênio e testosterona aumentam não só o desejo sexual como também a lubrificação vaginal.

O aumento da libido no ciclo menstrual é um dos sintomas mais comuns da ovulação, e, isso acontece devido ao aumento dos níveis hormonais.

A testosterona e o estrogênio são um dos principais hormônios sexuais responsáveis pela regulação do desejo sexual.

E, é nesse período que a mulher se sente mais atraente e sedutora ao se olhar no espelho.

No entanto, esse desejo tende a diminuir após o dia da ovulação

Conforme os níveis de estrogênio caem e a menstruação se aproxima.

Fase lútea e o desejo sexual

Na fase lútea do ciclo menstrual, o folículo vazio que se rompeu para liberar o óvulo na fase ovulatória, se transforma em um corpo lúteo. 

“Mas, gente, o que significa corpo lúteo?”

O corpo lúteo é uma estrutura que se forma no ovário da mulher logo após a liberação do óvulo…

A sua principal função é favorecer a fecundação e a implantação do embrião fecundado no útero, resultando na gravidez.

Aqui estão as duas coisas que podem acontecer:

  • Se você engravidar, o óvulo irá para o útero e se prenderá à camada interna;
  • Se você não engravidar, a camada interna do útero será expelida pela abertura da vagina. 

Ou seja, se a mulher não engravidar, a sua menstruação começa outra vez

Sendo neste momento quando começa um novo ciclo menstrual.

É neste momento do ciclo menstrual que a libido se encontra mais baixa

Isso porque estamos caminhando para o início da menstruação e os sintomas da TPM podem surgir…

Por esse motivo, a tendência é que você se sinta mais indisposta e o desejo sexual esteja baixo.

A fase lútea dura de 11 a 17 dias, com uma duração média de 14 dias que libera um muco vaginal branco e pastoso.

Quando uma mulher se sente mais excitada?

O desejo sexual nas mulheres pode mudar ao longo do mês por uma série de razões, incluindo:

Ovulação

Um estudo de 2015 observou que as mulheres sentem mais interesse pelo sexo pouco antes do dia da ovulação.

Eles estimaram que o pico de estrogênio no meio do ciclo ocorre cerca de 24 horas após a ovulação.

Os cientistas acreditam que o estradiol, um dos três tipos de hormônio estrogênio, aumenta a excitação sexual nas mulheres.

Eles acreditam nisso porque mulheres que estão na pós-menopausa e relatam a falta de desejo sexual têm níveis mais baixos de estradiol circulando em seu sangue.

Segundo trimestre da gravidez

Como os níveis hormonais mudam drasticamente durante a gravidez…

Algumas mulheres podem experimentar diferentes níveis de desejo sexual.

De acordo com um estudo de 2020, as alterações hormonais podem fazer com que as gestantes desejem mais atenção e carinho nos primeiros estágios da gravidez. 

No entanto, isso não significa necessariamente que tenham um desejo sexual aumentado…

Porque os desconfortos sintomas no início da gravidez podem diminuir o desejo sexual. 

No segundo trimestre, foi observado que o desejo sexual pode aumentar à medida que a pessoa se acostuma com a gravidez

Sendo assim, ela se sente mais confortável e à vontade. 

Porém, à medida que a gravidez se desenvolve e atinge o terceiro trimestre, o desejo sexual diminui rapidamente.

Durante o fim de semana

Uma pesquisa mostra que o momento certo pode ser um fator importante para determinar quando uma pessoa sente tesão

No fim de semana, a probabilidade de mulheres em idade universitária terem relações sexuais era o dobro ou até o triplo dos dias de semana. 

A probabilidade média de uma mulher fazer sexo era de 22% nos finais de semana e apenas de 9% nos outros dias.

Pressão no ponto G

Muitas mulheres sentem um inchaço no período que antecede a menstruação.

Algumas pesquisas sugerem que mudanças nos níveis de estrogênio e progesterona podem causar retenção de água.

Embora a sensação de inchaço resultante possa ser desconfortável…

Ela também pode colocar pressão no ponto G se estiver localizado na região pélvica

E essa pressão pode tornar o ponto G ainda mais sensível.

Na verdade, toda a área ao redor da vulva pode sentir uma sensação semelhante…

Isso porque à medida que o útero se expande, ele pressiona as terminações nervosas da região.

Chegamos ao fim de mais um conteúdo recheado de curiosidades e informações aqui no Blog da Fleurity!

Esperamos que você tenha gostado e todas as suas dúvidas tenham sido esclarecidas.

Caso você ainda não siga a Fleurity Brasil no Instagram, corre para seguir! Sabe por quê?

Lá no Instagram postamos conteúdos todos os dias no feed e nos stories, abordando assuntos como saúde feminina, menstruação, sustentabilidade e muuuito mais.

Eu te espero no próximo conteúdo, beijinhos!