Cuidados especiais com a saúde íntima durante o verão? Confira como prevenir problemas comuns nessa época do ano

Cuidados especiais com a saúde íntima durante o verão? Confira como prevenir problemas comuns nessa época do ano

A região íntima feminina é uma porta de entrada para bactérias, fungos e vírus

Como sabemos, a má higiene no local pode causar ardências, irritações, corrimentos, mau cheiro e até infecções... 

No entanto, sabia que o tipo de roupa que você usa próximo a vulva também pode ocasionar problemas?

Sendo assim, no conteúdo de hoje, vamos falar sobre os cuidados com a vagina durante o verão e quais peças usar nessa época do ano.

Quer saber mais sobre o assunto? Então, continue a leitura amiga!

Prefira tecidos naturais

Você já pode ter ouvido isso antes, mas vale a pena dizer novamente: o algodão é o melhor tecido para roupas íntimas.

Isso porque a vulva é uma área muito sensível e delicada, semelhante aos nossos lábios…

Sendo assim, você deve cuidar da sua região genital com delicadeza.

E qual é o tecido mais simples e suave para ficar em contato com a nossa vulva? 

Sim, é o algodão!

O algodão é um tecido natural, respirável e absorvente

E, por esses benefícios incríveis, ele é ideal para ser usado nos dias de verão e ajudar a prevenir infecções fúngicas.

Tecidos sintéticos

Será que usar um modelo específico de calcinha pode fazer mal a saúde íntima da mulher? De modo geral, a resposta é não.

Os modelos de calcinha não é o que determina a saúde da sua vagina…

Desde que o tecido da peça íntima facilite a circulação do ar – como é o caso da calcinha feita de algodão.

No entanto, os tecidos sintéticos – calcinha de renda, por exemplo – são os que mais prejudicam o pH vaginal, contribuindo com alergias e irritações.

É necessário evitar peças com esse material para impedir a presença de corrimentos vaginais, alergias e coceiras na região...

Além disso, esse tecido é responsável por aumentar a transpiração e abafar a região íntima, tornando o ambiente úmido e quente.

Por esse motivo, evite usar calcinhas com esse material principalmente nos dias abafados!

Não há problema em usar uma calcinha de renda em momentos especiais…

Ou quando você deseja se sentir mais sexy, mas é importante não usar diariamente, ok?

Troque de calcinha mais de uma vez no dia

É bem comum que a troca da roupa íntima seja feita após tomar banho…

No entanto, isso não é uma regra!

Veja bem, se você começar a sentir o acúmulo de muco cervical

Você não só pode, como DEVE trocar a calcinha mais de uma vez no dia.

Muitas mulheres, por se incomodarem com a umidade da calcinha, acabam usando protetores diários durante o dia… 

E, assim como os absorventes descartáveis, os protetores diários também abafam a região genital

Favorecendo irritações, alergias e infecções vaginais nos dias de calor.

Sendo assim, usar calcinhas de algodão ou forrada de algodão resolverá o problema da umidade na calcinha

Afinal, o tecido de algodão é natural e absorve o suor!

Roupas justas

Ao usar uma calça jeans justa, legging ou peças de tecidos sintéticos, o natural é que a região genital transpire ainda mais

Agora, imagine usar esses tipos de peças no calor do verão?

É o cenário perfeito para a proliferação de fungos e bactérias, afinal, o ambiente está mais úmido e abafado que o normal!

E, infelizmente, essas situações são as maiores responsáveis por infecções vaginais, como a candidíase e a vaginose.

Sendo assim, opte por peças como saias e vestidos, que ajudam a respiração da região íntima, assim como calcinhas de algodão.

Lembre-se que passar o dia com roupas justas demais abafará a vulva, deixando úmida e com retenção de calor.

Durma sem calcinha

No verão, usar roupas apertadas favorece que a região íntima fique muito abafada, certo?

E como te falamos, deixar a vulva abafada favorece o acúmulo de secreções…

Causando a proliferação de fungos e bactérias que desequilibram a flora vaginal

Então, você deve tomar muuuito cuidado!

Porém, quando você resolve dormir sem calcinha, além de deixar que a ppk respire, há inúmeras vantagens para a região íntima…

Confira abaixo quais são essas vantagens de dormir sem calcinha:

  • Previne a candidíase;
  • Diminui o corrimento vaginal;
  • hora a circulação sanguínea;
  • Diminui o excesso de suor;
  • Aumenta a sua autoestima;
  • Noites de sono mais confortáveis;
  • Reduz a proliferação de fungos.

Ou seja, dispensar o uso da calcinha durante o sono é maravilhoso, além de fazer bem para a saúde, você fica mega confortável!

É importante lembrar que dormir sem calcinha é um hábito extremamente importante…

Porém, quanto mais tempo disponível você tiver para ficar sem calcinha, melhor é para a sua ppk!

Use roupas respiráveis

Com o calor, temos a tendência a suar mais, inclusive na virilha

Então, se pensarmos na virilha como uma dobra de pele, assim como a axila…

Utilizar um tecido grosso ou sintético em altas temperaturas certamente vai abafar muito, né?

Sendo assim, é ideal que neste verão a preferência seja para tecidos naturais, mais leves e roupas mais soltinhas!

Isso porque além de abafar bem menos, são mais confortáveis e respiráveis.

Com isso, escolha tecidos que não retenham umidade e não usem nada que seja muito apertado

Confira abaixo algumas opções de peças para serem usadas no verão:

Vestido midis ou longos

Os modelos de vestido midi ou longos são perfeitos para quem quer andar elegante nos dias mais quentes.

Além disso, essas peças são muito versáteis, pois combinam com sandálias, rasteirinhas, saltos e até tênis!

Para escolher a composição basta pensar em qual imagem você deseja passar: elegante ou mais despojada?

Vestidos curtos

Os vestidos são essenciais no guarda roupa de qualquer mulher, independente da estação.

No entanto, durante o verão, ele é uma ótima opção para enfrentar as altas temperaturas e ainda estar estilosa e elegante.

Para ficar confortável, aposte nos vestidos com tecido leve e mais soltinhos no corpo!

Saias

As saias são peças muito versáteis devido aos seus inúmeros modelos: mini saia, longa, midi, envelope, jeans

Neste caso, o tecido jeans para saias pode ser uma boa opção, além de ser ideal para mulheres que gostam de um estilo despojado.

Os modelos de tecidos, como as saias midi, são perfeitos para dar charme, elegância e romantismo.

Modelos curtos são perfeitos para mulheres que gostam de uma aparência mais delicada com um toque de ousadia ao visual.

O melhor de tudo, é que as saias são extremamente versáteis para combinar com muitos modelos de sapato!

Macaquinhos

Os macaquinhos curtos além de serem opções mais frescas, são extremamente práticos!

Essa peça é muito usada por serem práticas de vestir e combinar com acessórios, afinal é uma peça única. 

Sendo assim, se preocupe apenas em usar tecidos mais frescos para garantir menos transpiração nos dias de calor intenso.

Cuidados na lavagem

Além de usar o sabonete neutro, existem outros cuidados durante a lavagem das peças íntimas.

Confira abaixo quais são esses cuidados:

Lavagem no banheiro

Quem nunca se perguntou o que era melhor: lavar a roupa íntima no chuveiro ou na máquina

Não há nenhum problema em lavar as calcinhas no chuveiro…

Isso porque a água quente pode ajudar a eliminar bactérias!

O cuidado fica com a escolha do sabonete, que precisa ter um pH neutro para não facilitar a proliferação de bactérias.

Lavar a roupa íntima no chuveiro impede que as secreções não tenham contato com as outras peças no cesto de roupa suja.

Além disso, quando você deixa as peças íntimas no cesto, os resíduos acabam impregnando no tecido…

Podendo proliferar e dificultar a higienização das calcinhas.

No entanto, o ideal é não deixar as calcinhas no box, por tempo nenhum!

A razão é simples, o banheiro é um ambiente úmido, e a umidade favorece a proliferação de fungos e bactérias.

Entretanto, também não é recomendado deixar as calcinhas secando diretamente ao sol…

O ideal é que as peças íntimas fiquem secando em um local arejado e na sombra, como o próprio varal.

Lavagem na máquina

Não misture suas roupas íntimas com outras peças

Afinal, com as bactérias já nadando em sua máquina de lavar, não há necessidade de se arriscar mais, não acha?

Faça uma lavagem separada para manter os níveis de bactérias mais baixos e evitar contaminação com as outras peças.

Além disso, você pode lavar as calcinhas em sacos protetores especiais para essa finalidade.

Use sabonete hipoalergênico ou neutro

Muitas possuem o costume de tomar cuidados apenas com as calcinhas rendadas ou mais especiais…

Porém, todos os tipos de roupas íntimas devem ser lavados com o mesmo cuidado.

Afinal, as roupas íntimas ficam encostadas na área mais sensível da pele por um longo período. 

Sendo assim, é recomendado o uso de sabonete hipoalergênico suave para lavar essas peças

Isso porque qualquer coisa com sabão ou produto químico próximo à vulva pode causar irritação, coceira e reações alérgicas.

Além disso, você pode fazer uma limpeza com água quente e alvejante para higienizar a máquina antes de colocar suas peças!

Chegamos ao fim de mais um conteúdo recheado de curiosidades e informações aqui no Blog da Fleurity!

Esperamos que você tenha gostado e todas as suas dúvidas tenham sido esclarecidas.

Caso você ainda não siga a Fleurity Brasil no Instagram, corre para seguir! Sabe por quê?

Lá no Instagram postamos conteúdos todos os dias no feed e nos stories, abordando assuntos como saúde feminina, menstruação, sustentabilidade e muuuito mais.

Te espero no próximo conteúdo, beijinhos!